1º ano – Os primeiros 635 dias do bebê

1º ano – Os primeiros 635 dias do bebê

17 Junho 2015 - 09:36

Os primeiros passos marcam a chegada do primeiro aniversário do bebê. É uma das maiores conquistas que ele fará em toda a vida

Como andam as coisas até aqui? [Photo via VisualHunt]

Chegou o primeiro ano e vocês têm motivos de sobra para comemorar. Ele passou por uma das fases de maior desenvolvimento da vida. Você conheceu seus limites; o do amor e até da exaustão. Apesar do cansaço, preocupações e noites mal dormidas, com certeza chegará neste dia com a certeza de que tudo valeu a pena. À beira de um ano, o bebê já ensaia os primeiros passos e você passa por um grande desafio; o der ver seu coração caminhando fora do corpo. E daqui para frente ele ficará cada vez mais independente. Por exemplo, pode se irritar se você quiser ajudá-lo a comer ou até mesmo quando quiser pegá-lo no colo.  Isso pode ser um alívio, pois ao completar 1 ano, o bebê deve estar pesando o triplo do peso de seu nascimento.Neste mês, seu filho deve ser vacinado com a pneumocócica, tríplice viral, outra dose da hepatite.

Assim como a linguagem dele está se aprimorando, o entendimento sobre as situações também. Já sabe o que é “não” e entende quando é repreendido. No entanto, a memória nessa fase ainda é pequena e rapidamente se esquecem de algumas coisas que foram ditas antes. Viver repetindo ordens e palavras é um desafio constante para os pais daqui para frente, principalmente por que os bebês testarão seus limites cada vez mais. No primeiro ano da criança, você tem motivos duplos para comemorar; o aniversário do seu pequeno e seu feito como mãe. Então, os nossos parabéns também são duplos! Mesmo para quem optou por não fazer festa, vale comemorar a relação mais especial que têm juntos entre vocês: a de mãe e filho.

Disciplina na hora de dormir

Parabéns, amigo! Fora a gravidez, você já pode comemorar 635 dias como pai. Como andam as coisas até aqui? Nós sabemos, a agitação é do tamanho das emoções, não é?  Você ouvia dizer que depois do terceiro mês os bebês passam a dormir a noite toda? Bem-vindo à turma que caiu nessa história. Ela é bem rara! E quando você escuta algum pai falando que o filho dessa idade dorme a noite toda dá vontade de voar no pescoço. Se as noites de sono ainda estão conturbadas por aí, é hora de aumentar a disciplina e reforçar a rotina. Comece com um ritual sempre no mesmo horário. Dê um banho para relaxar, ofereça a mamadeira, troque a fralda (ninguém gosta de dormir molhado). Assegure-se de que o ambiente esteja escurinho. Coloque-o no berço ou no seu colo e permita que ele descanse. Insista nesse ritual todos os dias. Aos poucos ele entenderá que está na hora de nanar.