8º mês do bebê – Festa de 1 ano à vista

8º mês do bebê – Festa de 1 ano à vista

17 Junho 2015 - 09:32

Aos 8 meses o bebê já reconhece as pessoas e pode ser mais difícil se afastar dele por curtos períodos. Apesar disso, a distância pode ajudá-lo a amadurecer

Festa de 1 ano à vista

Depois de sentar e engatinhar, seu bebê anseia pelos primeiros passos. Por enquanto, ele só treina se levantar apoiado em alguns objetos, mas já passa longos minutos de pé, se for preciso. Quedas nessa fase são normais, ainda mais por que a coordenação do bebê ainda está sendo formada. Não se preocupe se ele cair; apenas ensine-o que não é necessário chorar por causa disso, afinal, muitas quedas virão. Por volta dos oito meses, seu bebê já reconhece as pessoas mais próximas e começa a estranhar e chorar quando se depara com desconhecidos.  Entre o oitavo mês e o primeiro ano pode ser mais difícil adaptá-lo à escola (por incrível que pareça, quanto mais novo, mais fácil é) ou até mesmo a deixá-lo no colo de pessoas mais distantes. No entanto, lidar com a ansiedade da separação faz parte do desenvolvimento dele e o ajuda a amadurecer. Com o tempo, ele se acostumará a passar um período longe de você, se assim for preciso.

Faltam quatro meses para o seu pequeno comemorar o primeiro aniversário e você já está pensando nos preparativos? Toda comemoração é válida e importante para o convívio social do pequeno. Mas entenda bem: a festa de primeiro ano é mais para os pais, familiares e amigos do que propriamente para o bebê. Aliás, para ele pode ser um pouco irritante passar de colo em colo e um monte de gente em volta. Para que ele curta ao máximo a festa, evite locais muito barulhentos, música alta demais e cheiros estranhos para ele, como frituras, por exemplo. Se a festa for muito longa, o bebê pode ficar cansado e querer dormir, então  é importante que tenha um cantinho para isso. 

Engatinhando pra lá e para cá

Às vezes você pode nem perceber como aconteceu, mas o bebê simplesmente se vira e sai engatinhando. Isso acontece quando os músculos adquirem força e ele se sente seguro pra sair por aí. No entanto, você pode dar uma mãozinha, caso o pequeno empaque, sabe? Comece traçando objetivos. Espalhar os brinquedos pela casa esimula o bebê a se locomover em busca dos objetos. Crie aventuras para ele. Uma ideia é fazer túneis de caixa de papelão. Ele vai adorar passar por lá!