2 anos – Os mil dias do bebê

2 anos – Os mil dias do bebê

17 Junho 2015 - 09:43

Os 2 anos são um marco na vida dos pequenos; eles deixam de ser considerados bebês e se tornam crianças. Você já deve morrer de saudades de pegá-lo no colo. Passa rápido, não é mesmo?

Aos 2 anos, o bebê já passou pela maior fase de desenvolvimento da vida toda. Já sentou, engatinhou, andou, desmamou, soltou as primeiras palavras e, em alguns casos, até desfraldou. E isso tudo, sempre na sua companhia. Daqui para frente, a missão dele é crescer forte e saudável. A sua, é de educá-lo e dar muito amor. As próximas mudanças físicas acontecerão perto da adolescência e, até lá, você curtirá a infância com ele. Lembre-se sempre, mamãe: a faxina da casa pode ficar para depois, às vezes as horas extras no trabalho não compensam e os gritos pela bagunça podem ser desnecessários. Menos estresse, mais curtição: esse deve ser o seu lema para ter uma boa relação com seu filho. Verá que não é apenas ele que evolui, mas você também. Filhos são presentes que recebemos para termos uma vida infinitamente mais feliz. Em pouco tempo nem se lembrará das birras, das noite mal dormidas, da correria e do cansaço. Mas com certeza morrerá de saudades de carregar seu bebê no colo, amamentá-lo ou colocá-lo no berço. A partir dos 2 anos, seu bebê deixa de ser um bebê e passa a ser uma criança. Curta com ele essa infância  ao máximo que puder. Sua felicidade agradece!

A virada do bebê

Parabéns, camarada! Aos 2 anos do bebê, você também comemora mil dias como pai. E isso é uma vitória. Da mesma maneira que seu bebê foi se desenvolvendo, você também mudou, amadureceu, venceu desafios. Já pensou em quem era antes de ter um filho e agora? Pois é! Hoje você deixa de ser pai de um bebê e passa a ser pai de uma criança. De alguns pontos de vista, tudo passa a ficar mais fácil; é mais tranquilo sair para jantar com a criança contando com que ela fique quietinha, ela já dorme melhor, já expressa o que que quer e o que não quer. A cumplicidade e a ligação entre vocês só tende a crescer e ficar cada vez mais forte. Uma dica legal para os pais: que tal construir uma cápsula do tempo? Junte fotos, lembranças, mimos e outras coisinhas da vida do pequeno, monte sua cápsula e guarde. Quando sua criança for adulta, experimente abrir a cápsula junto com ela. Vai ser demais!