Posso usar aquecedor no quarto do bebê?

Posso usar aquecedor no quarto do bebê?

13 Maio 2016 - 22:42
Publicado em:

Com a aproximação dos meses de inverno, muitos pais se preocupam com a temperatura ideal do ambiente o de o bebê vai permanecer por mais tempo. A ideia de proteger o bebê do frio implica em evitar possíveis transtornos ao organismo da criança, que ainda está se adaptando a diferentes graus de temperatura. 

O frio chegou, e agora?

No entanto, a ideia de fazer uso de aquecedores no quarto do bebê durante os dias de inverno em que as temperaturas estão mais baixas apenas é válida por curtos períodos de tempo. Isso porque não raras vezes o quarto da criança recebe o aquecimento, no entanto, os outros cômodos da casa permanecem com a temperatura ambiente. Esse contraste de clima dentro do ambiente onde a criança está pode ser prejudicial para a saúde dela, pois afeta as suas vias respiratórias.

Além disso, a utilização de aquecedores, com o passar do tempo, pode aquecer o quarto em demasia, fato esse que acarreta uma sensação desconfortável para a criança, ocasionando transtornos para ela.

É importante também destacar que, alguns pais fazem uso também dos tais umidificadores, fato esse que acarreta a proliferação de fungos e ácaros.

Vale destacar que os aquecedores reduzem a qualidade do ar, uma vez que o tornam mais seco. Essa característica permite com que as vias aéreas também se tornem mais ressecadas e não consigam efetuar de maneira eficiente a sua capacidade de filtrar o ar que inspiramos, permitindo a entrada de vírus e bactérias que podem prejudicar ainda mais a saúde do bebê.

Solução adequada

É pertinente estar consciente que os aquecedores de ar correspondem sim a importantes aliados em dias onde os termômetros marcam temperaturas muito baixas. Mas apesar disso, eles não devem permanecer em funcionamento durante horas prolongadas.
 
Em algumas situações o uso do aquecedor não acarreta nenhum transtorno mais grave. Enquanto os pais dão um banho no bebê, por exemplo, é possível sim manter o aquecedor em funcionamento. Outra situação é manter o aquecedor funcionando no quarto das crianças durante curtos períodos de tempo, tais como entre a hora do jantar e a hora de dormir, por exemplo, também consiste em nenhuma falta grave. O problema é mesmo o uso excessivo desse aparelho.

É válido destacar que, ainda que o clima apresente baixas temperaturas, é importante manter a casa aberta durante alguns períodos do dia, porque isso permite ventilar os ambientes também renova o ar, visto que um dos principais problemas do inverno é a permanência constante das pessoas em locais demasiadamente fechados.

Em regiões mais ao sul do Brasil, onde os dias de inverno, de uma forma geral, possuem a tendência de serem mais rigorosos, a utilização dos aquecedores de ar no quarto do bebê pode ser uma solução adequada desde que não seja em demasia. O mais aconselhável, em tal situação, é fazer uso dos aquecedores não-incandescentes e ainda assim sem exageros.

Além disso, uma alternativa prática para garantir a umidificação do ar é utilizar uma toalha ou pano úmido no ambiente, pois é um processo natural e não causa problemas para a saúde da criança.